• Bem-vindo ao Fórum SoCientífica, um espaço para criar e responder perguntas fascinantes sobre o mundo ao seu redor e as coisas contidas nele!

Essa teoria é muito interessante

Membros online

Nenhum membro online agora.

Heraclides

Novo Membro
Abr 7, 2020
2
0
1
Essa teoria é muito interessante, e gostaria de lançar uma teoria a respeito disso, em relação do tempo. Conforme a reportagem, que li, reforça mais a mesma ideia que tenho que tenho a respeito do tempo, quando pensamos em passado, presente e futuro. É possível afirmar que o futuro não existe, se analisarmos algumas ideias. É notável que a história em relação o tempo não existe. Pois, em tempos e tempos, a História sempre se repete, um exemplo bem simples, muitas coisas que muitos dos jovens nascidos em 1988, se lembra de um brinquedo chamado Taso Mania. E hoje, eu fui comer um salgadinho, e pude perceber que essa mania voltou, porém, a Champions League. Outro exemplo, é o COVID que está colocando milhões de pessoas em casa de quarentena, se pensar que a anos atrás tivemos também epidemias como essa. Ou seja, a questão é que o tempo não é uma variável ou uma constante, apenas ocorre por conta do movimento. Se pensar na luz, ela percorre o espaço em função do tempo até chegar a um determinado ponto. Porém, se colocarmos todos os relógios marcando determinado horário e acertar 10 relógios na mesma hora, vamos perceber que nenhum deles ao longo de seu movimento vão marcar as mesma horas, ou minuto ou até segundos. De acordo com a seta do tempo, podemos pensar que apenas é o tempo se repetindo, não em forma reta como poderíamos pensar, mas sim obedecendo um siclo repentino. Se olharmos atentamente ao passado, quando Aristóteles começou a tentar entender o espaço, vamos perceber que muitas daquelas dúvidas se mantém a muitos de nós ainda hoje. Isso reforça que o presente está preso ao passado, porém, o futuro não é uma forma concreta de existência, pois ele apenas mostra que o tempo também não existe, e se existir é apenas passado e presente com uma determinada continuidade, que pode haver uma interrupção quando alguém deixa a vida. E isso podemos entender como forma de equilíbrio a um siclo. Em acordo com a teoria demonstrada pelos cientistas, podemos observar que a entropia na exatidão de sua forma plena, é uma bagunça inversa como se pegássemos algo desarrumado e por sua própria ordem começasse a se organizar de forma automática. Como se ela tivesse a necessidade de fazer isso, porém se pensarmos também que a entropia desenvolve um paradoxo, pois, quanto maior esse paradoxo maior é a entropia, ou seja, se alguém tentar construir uma casa , sem colocar uma coluna de sustentação, se levantará uma parede, e junto da outra permitirá que ambas mesmo sem a coluna, acabam se firmando. O problema é que sem a base, com o passar dos anos pode ser que ela caia. O que pode tornar ainda maior essa entropia. A minha teoria se consiste nisso, que tudo na vida depende de um determinado siclo e não do tempo, o tempo é apenas uma marcação feita, como se quiséssemos nos localizar em uma determinada etapa. Se avaliarmos que pessoas, que não se preocupam com o tempo, ou idade, vivem melhor do que as pessoas que procura sempre uma relógio. Porém, se eu marcar um encontro com uma pessoa, e tanto eu como ela, não usarmos um relógio para determinar um horário de chegada, não teremos problemas, com uma discussão por ambos terem talvez chego atrasado ou dentro do horário. Ou seja, o tempo é meramente uma ilusão, ele não é existente.